Concurso polícia civil de sao paulo

Está formada a comissão para o novo concurso da Polícia Científica PR (Paraná) para o cargo de perito oficial criminal. A deliberação que institui a comissão foi publicada no Diário Oficial do Estado do dia 28 de agosto.

Autorizado no dia 7 de agosto pelo governador Ratinho Júnior, o certame contará com 30 vagas para perito, que exige nível superior e carteira nacional de habilitação a partir da categoria “B”. A remuneração inicial da carreira é de R$ 9.264,27.

De acordo com a deliberação, foram designados os seguintes servidores para comporem a comissão de concurso público, sendo o primeiro como presidente e os demais como membros:

  • Gabriel de Andrade Manoel;
  • Beatriz Rossi Canuto de Menezes Rodrigues; e
  • Luís Henrique Ferreira De Moraes.

Compõem o conselho da Polícia Científica PR os seguintes membros:

  • Luiz Rodrigo Grochocki, presidente;
  • Joice Malakoski;
  • Ciro José Cardoso Pimenta;
  • Tatiane Aparecida Wolff Prossak;
  • Alexandre Guilherme Lara;
  • Fabíola Schutzenberger Machado; e
  • João Rodrigo Ferreira de Medeiros.

Confira, a seguir, o documento na íntegra:

Com a comissão formada, os próximos passos serão elaboração do edital e iniciar o processo de escolha da banca organizadora. Somente após estes procedimentos e a assinatura do contrato com a empresa é que poderá ser definida a data precisa de início da seleção.

Saiba como foi a última seleção

O último concurso da Polícia Científica PR ocorreu em 2017, quando foram oferecidas 54 vagas para perito oficial e auxiliar de perícia oficial. A banca organizadora, na ocasião, foi o Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

A prova objetiva contou com 90 questões, da seguinte forma:

  • 35 questões de conhecimentos gerais; e
  • 55 de conhecimentos específicos.

A parte de conhecimentos gerais versou sobre as seguintes disciplinas:

  • língua portuguesa;
  • noções básicas de direito penal e processual penal;
  • noções básicas de direito administrativo;
  • legislação; e
  • noções de medicina legal.

Além disso, o concurso contou, ainda, com as seguintes etapas:

  1. prova dissertativa;
  2. análise de títulos; e
  3. avaliação psicológica.