concurso_nacional_unificado_certame

O primeiro Concurso Público Nacional Unificado (CPNU), com aplicação em março de 2024, terá provas em 180 cidades do país, mas apenas 44 no Sudeste. A região concentra o maior número de vagas, com 2.452, mas a distribuição das cidades selecionadas segue critérios como tamanho da população, raio de influência na região e facilidade de acesso.

Dos 44 municípios selecionados no Sudeste, 24 estão em Minas Gerais, 12 em São Paulo e 4 no Espírito Santo. No Rio de Janeiro, não haverá provas em nenhuma cidade. A escolha das cidades foi feita pelo Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI), com a participação do TCU, do CGU e da Advocacia-Geral da União (AGU).

Segundo o MGI, os critérios de seleção foram os seguintes:

  • Tamanho da população: as cidades selecionadas devem ter mais de 100 mil habitantes.
  • Raio de influência na região: as cidades devem ter fácil acesso para candidatos de municípios vizinhos.
  • Facilidade de acesso: as cidades devem ter estrutura adequada para a realização do concurso, como locais de prova, transporte público e hospedagem.

A escolha de apenas 44 cidades no Sudeste recebeu críticas de candidatos. Eles argumentam que a falta de provas em algumas cidades dificultará a participação de candidatos que moram nessas regiões.

Processo seletivo do Concurso Nacional Unificado está previsto para 25 de fevereiro de 2024

A Fundação Cesgranrio deverá assinar o contrato para aplicação do certame, com a divulgação do edital programada para 20 de dezembro de 2023. O processo seletivo está previsto para ocorrer em 25 de fevereiro de 2024.

O Ministério da Gestão e Inovação em Serviços Públicos enfatizou que a escolha da banca foi um processo criterioso, com a participação de diversas instituições da sociedade para garantir a conformidade com os princípios da administração pública.

Com a expectativa de preencher milhares de vagas federais, este concurso unificado representa um marco no cenário de seleções públicas no Brasil, oferecendo uma oportunidade ampliada de acesso a cargos públicos em diversas localidades do país.