Concurso-ANA-2023

O novo concurso ANA (Agência Nacional de Águas) já conta com comissão organizadora constituída internamente e o processo já está em fase de escolha da banca organizadora, de acordo com as últimas informações divulgadas pelo órgão. No entanto, os nomes dos membros do grupo ainda devem ser divulgados, nos próximos dias, por meio de publicação oficial.

O certame já está autorizado desde o último dia 18 de julho e o edital de abertura de inscrições devem ser publicado, no mais tardar, até a primeira quinzena de janeiro, considerando o prazo de seis meses estipulado na portaria de autorização do Ministério da Gestão e da Inovação dos Serviço.

Ao todo, a ANA deve oferecer 40 vagas para o cargo de especialista em regulação de recursos hídricos e saneamento básico. Para concorrer é necessário possuir formação de nível superior, com remuneração inicial de R$ 15.058,12.

De acordo com a portaria de autorização do certame, a aplicação das provas deve ocorrer dois meses após a publicação do edital de abertura de inscrições.

Concurso ANA: veja atribuições do cargo

Especialista em Recursos Hídricos

  • Regulação, outorga e fiscalização do uso de recursos hídricos, à implementação, operacionalização e avaliação dos instrumentos da política nacional de recursos hídricos, a análise e desenvolvimento de programas e projetos de despoluição de bacias hidrográficas, eventos críticos em recursos hídricos e promoção do uso integrado de solo e água.

Saiba como foi a última seleção

O último concurso ANA ocorreu em 2009, quando foram oferecidas 152 vagas distribuídas nos empregos de analista administrativo, especialista em recursos hídricos e especialista em geoprocessamento.

A Esaf ficou com a responsabilidade de organizar o certame e o processo seletivo foi composto pelas seguintes etapas:

  • duas provas objetivas,
  • uma avaliação discursiva,
  • análise de títulos e experiência profissional e
  • curso de formação.

As questões dos testes versaram sobre as seguintes disciplinas:

  • Língua Portuguesa,
  • Inglês,
  • Raciocínio lógico,
  • Ética na Administração pública,
  • Recursos hídricos/legislação aplicada,
  • Direito Constitucional
  • Direito Administrativo
  • Conhecimentos específicos.